Ads Top

Entre Pinda e Taubaté, Tremembé

Entre as cidades de Pindamonhangaba (clique no nome da cidade e conheça a história da cidade) e Taubaté, temos a simpática Tremembé. A cidade surgiu na época em que os portugueses cada vez mais procuravam ouro pelo interior do Brasil colônia. E entre esses desbravadores destacamos a figura de Jacques Felix.



Estátua de Jacques Félix na cidade de Taubaté
Jacques Felix, conhecido como o fundador de Taubaté (clique aqui e relembre a história de Taubaté), reuniu em suas terras diversos povoados e pessoas que ajudaram no desenvolvimento e formação de cidades da região. Era o Sítio Tremembé.

Um deles era o Capitão-mor Manuel Costa Cabral, que detinha parte das terras deste sítio e ordenou a construção de uma capela dedicada a N.Sra. da Conceição.

Em 1663, a edificação recebeu uma imagem do Senhor Bom Jesus e a ela foi atribuída a fama de milagreiro. Assim, muitos romeiros foram se achegando nas proximidades da capela. Com o tempo foi se formando o povoado de Tremembé.
Tremembé, em tupi – Tirime’mbé “Tere-membé”, pode ser ‘Escoar Molemente’ tanto significar água afamada, água boa para a saúde. A cidade foi batizada com esse nome, por causa tanto da quantidade de água ou cursos dela em sua geografia.






Em 1866, o povoado se tornou freguesia. Depois em 1890, distrito policial e em 1891, distrito de paz. Mas a maior vitória se deu em 1896, quando o presidente do estado de São Paulo, Manuel Ferraz de Campos Sales (que veio a ser presidente do Brasil entre 1898 e 1902), concedeu autonomia administrativa ao outrora distrito de Taubaté, após muito esforço do Cel. Alexandre Monteiro Patto. No ano de 1905, Tremembé foi elevada a categoria de cidade.





A Lei Provincial n° 1, de 20 de fevereiro de 1866, elevou o povoado a freguesia.

Em 19 de agosto de 1890, tornou-se distrito policial, e pelo decreto estadual n° 132, de 3 de março de 1891, pelo então juiz de Paz, José Monteiro de Queirós, foi elevado a distrito de Paz. Foi elevado a município pela Lei n° 458, em 26 de novembro de 1896, promulgada pelo presidente do estado,Manuel Ferraz de Campos Sales, desmembrando-se de Taubaté, graças aos esforços persistentes do coronel Alexandre Monteiro Patto.
A Lei Estadual n° 1038, de 19 de dezembro de 1905, elevou Tremembé à categoria de cidade. E no ano de 1912, foi encaminhado estudos para que se juntasse a estação de Tremembé a linha da Central do Brasil, que não passava pela cidade.
Havia um tramway de bitola 60 cm que ligava Taubaté a Tremembé, que foi suprimido quando foi construída a variante que fez com que a linha passasse por essa cidade. Aliás, a Central comprou a linha em 1912 e alargou-a em boa parte do percurso aproveitando-a para colocar Tremembé no ramal de São Paulo, que já existia em 1885.




Mas a inauguração da estação atual só se deu em 1914. A circulação entre Pinda e Taubaté na linha antiga foi suprimida em 1951, quando foi aberta uma nova linha que eliminou a circulação de trens nas estações de Tremembé e a de Quiririm.
O povo dessas localidades passaria a utilizar a estação de Engenheiro Cotrim, que ficava distante do centro de Tremembé. A sua localização foi alvo de muitas críticas e somente os trens paradores paravam ali. Há mais de 20 anos, a estação já não existe mais. Fora demolida.
A cidade – que se tornou Estância Turística em 1993 – tem entre seus atrativos a Abriga a Área de Relevante Interesse Ecológico(ARIE) Pedra Branca, de 183 ha, criada em 1987.
Como chegar








Para se chegar a Tremembé as opções são os ônibus que vem de Taubaté, Pindamonhangaba ou Caçapava. A Viação ABC atende a demanda do município e dessas cidades.




Aqui também passa os ônibus que vem de Itajubá por meio da Expresso Gardênia e os ônibus da Passaro Marrom que seguem para Campos do Jordão.


Nenhum comentário:

Olá!

Sua opinião é muito importante para nós. Esperamos sua visita por aqui mais vezes.

Grande abraço e tudo de bom!

Tecnologia do Blogger.