Ads Top

Piquete, a cidade-paisagem

Bem-vindos a Piquete! A cidade tem sua origem muito interligada com a vizinha Lorena, pois suas terras pertenciam a outrora freguesia de N.Sra. da Piedade. 



Aqui era um sertão que impunha dificuldades a sobrevivência humana até que em 1741 foi aberto um caminho ligando a freguesia de Piedade ao arraial de N.Sra. da Soledade de Itajubá (hoje o município de Delfim Moreira) em direção as "minas de Itajubá". 



Este caminho começou a ter utilidade para contrabando de cargas e desvio de ouro. Foi aí que em 1764 foi instalado um registro - posto policial nos tempos coloniais - para se cobrar um imposto sobre as mercadorias que vinham da capitania de Minas Gerais. A este era chamado de "Direitos de Entrada". E o posto policial de Itajubá era guarnecido por um destacamento militar, ou melhor dizendo, um PIQUETE.

E em torno desse registro foi se formando um povoado, que também cresceu em torno do caminho entre Lorena e Delfim Moreira, que passou a ser denominado o "Bairro do Piquete". Crescimento este que  pode ser observado quando se analisa os chamados "Maços de População" (documentos existentes no Arquivo Público do Estado de São Paulo), em que, na 7ª Cia. das Ordenanças da Vila de Lorena, no ano de 1828, neste bairro são recenseados 63 casas, 303 habitantes livres e 123 escravos.





Nos anos subsequentes, essa população segue crescendo e a produção agrícola, que tinha como principais produtos a cana e o fumo, passa a ser substituída pelo café.

No ano de 1875 foi instalada uma freguesia sob o nome de São Miguel do Piquete e casas, ruas tortuosas e a freguesia foi tomando ares de vila. E Vila o Piquete se tornou no ano de 1891, sob o nome de Vila Vieira do Piquete. 

Ao entrar no século XX, a cidade só crescia e ganhava melhorias: A primeira foi em 1902, quando o Exército Brasileiro escolheu a cidade para ser sede de uma fábrica de pólvora sem fumaça. E quatro anos depois foi aberto um ramal ferroviário, o Ramal do Piquete.

O ramal servia para transporte de passageiros somente entre Piquete e Lorena, mas também servia para transporte para a fábrica de explosivos.

No ano de 1907, a pedido do Exército, havia uma linha exclusiva para a fábrica Presidente Vargas saindo de Piquete.

Inicialmente denominada "Rodrigues Alves" em homenagem ao Presidente da República na época em que a ferrovia foi construída, a estação era o fim da linha dos trens de passageiros que vinham de Lorena, sendo que deste ponto em diante apenas passavam os "trens piqueteiros", como eram chamados os trens do exército que partiam de Lorena para a fábrica.





No ano de 1933, o nome "Piquete" começa a ser denominado a estação, que recebeu trens até o ano de 1985. Mas em 1978, o serviço de passageiros já havia sido extinto.

As outras estações após Piquete eram Estrela do Norte e Limeira, 

A Fábrica de Piquete contribuiu para que em 1906 a Vila fosse elevada a categoria de cidade por meio de Decreto Estadual 1033, com o nome de "Vieira do Piquete". Em 20 de setembro de 1915, a lei estadual nº1470 restringe para Piquete a designação da Vila Vieira do Piquete.

Como Chegar

Pela Rodovia Presidente Dutra, seguir até o acesso a BR-459 na altura de Lorena e por esta seguir até o acesso a Piquete. A Rodovia Lorena-Itajubá, como é conhecida a BR, também é acesso ao Sul de Minas.

A Pássaro Marrom opera linhas ligando Piquete a municípios próximos como Cruzeiro, Lorena e Itajubá.

A empresa ABC Caçapava opera o transporte municipal antes operada pela Trans Cariri.

Praça Duque de Caxias

A Praça Duque de Caxias foi inaugurada no dia 9 de novembro de 1952, um projeto idealizado pelo Tenente Coronel José Pompeu Monte. No complexo que a engloba encontra-se o antigo cinema da cidade, Cine Estrela do Norte,atualmente desativado, o Grêmio General Carneiro e o Grêmio Duque de Caxias (Elefante Branco). A praça sempre representou um ponto de encontro em Piquete, acontecendo nela todas as manifestações sociais, cívicas, culturais e artísticas mais destacadas, desde as antigas retretas, as quermesses de São Miguel e maravilhosos desfiles escolares.



Nenhum comentário:

Olá!

Sua opinião é muito importante para nós. Esperamos sua visita por aqui mais vezes.

Grande abraço e tudo de bom!

Tecnologia do Blogger.