Ads Top

A Vila de São Miguel de Areias

Em uma rápida parada no nosso caminho a Guaratinguetá, conhecemos um pouco do município de Areias, que era um pouco mais do que apenas um pouso para tropeiros.

Localizado próximo as nascentes do rio Paraitinga, o antigo povoado de Santana da Paraiba Nova já era elevada a categoria de freguesia em terras pertencentes ao município de Lorena quatorze anos depois da criação do povoado, em 26 de janeiro de 1784.

Por iniciativa do Padre Joaquim José da Silva e de alguns fazendeiros, a localidade foi se desenvolvendo e se constituindo em um ponto de passagem entre o Rio e São Paulo. 

Em 28 de novembro de 1816, Dom João VI, atendendo ao pedido dos moradores, concede a Areias o título de Vila, mas sob o nome de São Miguel de Areias, homenageando o filho D. Miguel.

Falando em um dos filhos de Dom João VI, foi em Areias que o príncipe Pedro fez uma parada a caminho de dar aquele famoso brado as margens do Ipiranga em prol da independência do Brasil. 



O Grito do Ipiranga, óleo sobre tela de Pedro Américo (1888)

Também foi aqui que o escritor Monteiro Lobato atuou como Promotor público. No ano de 1842, a cidade – assim como outras cidades paulistas – foi anexada a Província do Rio de Janeiro durante a eclosão das revoltas liberais que ocorreram. Mas em 1843, ela voltou a ser de São Paulo e em 1857 passou a obter foros de cidade.




Hoje a cidade é reflexo do que já foi um dia: Uma das mais importantes do país e que chegou a produzir mais de 100 mil arrobas de café.

Para chegar a Areias, vindo do Rio você pode seguir pela Via Dutra e entrar no acesso a Rodovia dos Tropeiros (SP-068) ou por Barra Mansa pela RJ-157/SP-064 e em seguida pela SP-068.

A Pássaro Marrom opera três horários saindo de Guaratinguetá para a cidade: 05:30 /  11:30 /   17:30 (Saídas de Bananal). A empresa também opera uma linha da cidade para Cruzeiro. Saídas às 07:30  / 13:45 /   20:15


Nenhum comentário:

Olá!

Sua opinião é muito importante para nós. Esperamos sua visita por aqui mais vezes.

Grande abraço e tudo de bom!

Tecnologia do Blogger.