Ads Top

Cantinho do Busólogo: Os Visitantes da Flip

O Relatos de Viagem Etc. realizou o sonho de visitar a Festa Literária Internacional de Paraty. Nosso 02, correspondente da equipe nos mares do sul fluminense foi lá e aproveitou para dizer olá para os demais visitantes da sétima edição do evento.

Chamar a Colitur de visita em Paraty é heresia: eles já são de casa, e trazem gente de todos os cantos da cidade para a Festa. Este Comil Svelto IV sobre Mercedes-Benz OF-1721 é um bom exemplo, vindo da divisa com o município paulista - e vizinho - de Ubatuba.

Já a linha que levou o Silva para lá tem sofrido uma crise de identidade. Conhecida como Perequê, pode aparecer também como Parque Mambucaba, como na vista deste simpático Marcopolo Senior sobre LO914, cujo ar condicionado há muito não é utilizado...

...ou como Divisa de Angra, como ilustra este Mascarello GranVia sobre OF-1418 que sabe que tem muito chão pela frente até chegar ao lugar com três nomes - sim, todos vão exatamente para o mesmo lugar!

E lá vem a Esquadra Reunida!

Num intervalo de cerca de cinco minutos foram três - dois Irizar Century e um Marcopolo Paradiso - ônibus da Reunidas a aportar pela Rodoviária de Paraty, operando as linhas da cidade e de Angra para a Paulicéia.

Mas não são só eles que defendem nosso estado vizinho. Aguardando pacientemente sua viagem para Ubatuba, Taubaté ou Guaratinguetá...

...está o Viaggio GV da São José, que teve também uma baia bem movimentada.

Sua vista é inconfundível: é a única que grafa Parati... Mas não importa a letra final: está tudo certo, caro José! Uma boa viagem Parati também!

Falando nisso, olha o Viaggio GV sorrindo paramim como se fosse um G6!
Podemos dizer que foi um caso bem-sucedido de plástica busológica...

Mas eis que os visitantes perguntam "é para o RdV?" E sorriem para a câmera... Este elegante Vissta Buss, por exemplo, veio de Três Rios prestigiar a festa da literatura.

E quem disse que só fluminenses e paulistas compareceram, ? Esse trem da foto veio de Três Corações e curtiu demais da conta, uai. Gostou quando soube que o Ônibus & Cia é cumpadi nosso e ofereceu um pão de queijo, que o Silva aceitou prontamente.

Opa! A Costa Verde resolveu matar saudades da pintura antiga? Não carece: a nova também é muito bonita... E este aí não é Costa Verde, mas um Viaggio G4 sobre Scania 113 - salve, salve! - da cabofriense Hellen Turismo.

Os dois aí estavam tão animados na prosa que nem viram que tinha alguém interessado em fotografá-los: o Neobus Mega vem de Tanguá, e o Volare W8 trouxe o povo de Paty do Alferes. Sabe como é, né? Em eventos assim, eles, que vêm de cidades distantes entre si, botam o papo em dia.

Acima, a bela e valente Canoa - ops, Marcopolo Senior -, que desceu a serra desde Friburgo até o extremo sul do estado e ,abaixo, o lendário Torino GV sobre Volvo que veio de pertinho... Mas o RdV conhece seu passado, fazendo bonito do Rio a Itaboraí, de Itaboraí a Cachoeiras de Macacu, ao pé da serra que a Canoa desceu.

Mas não foi só o RdV que enviou representação para a Flip. Amigos da busologia fluminense estiveram lá e, ao invés de zanzar para lá e para cá sem lugar definido como certos fotógrafos de sites meio-busológicos-meio-turísticos, tinham seu posto para fotografar o melhor ângulo:

Acima da histórica igreja, o renomado Galo tinha visão privilegiada do que estava acontecendo, enquanto o nobre representante do Ônibus Expresso já estava lá a postos há tempo, em seu barco próprio.


Abraços a todos, e até a próxima :)

Texto e fotos: Rodrigo Silva

Um comentário:

  1. Destaque para a válida presença dos Colitur no início da matéria (não poderia ser em outra parte) !!!!

    Afinal, festas não são feitas só de convidados.

    Anfitriões também fazem parte !

    ResponderExcluir

Olá!

Sua opinião é muito importante para nós. Esperamos sua visita por aqui mais vezes.

Grande abraço e tudo de bom!

Tecnologia do Blogger.